Banho quente na gravidez é realmente prejudicial?

Quem não se sente extremamente relaxado após um bom banho quente? Mas muito se questiona ainda a prática do banho quente na gravidez, diante da possibilidade desse ato se tornar nocivo para o bebê.

 

Assim sendo, você sabe qual a temperatura certa para se tomar um banho durante a gestação? Será que o banho quente na gravidez realmente é prejudicial? O que pode acontecer se uma mulher grávida tomar banhos quentes? Acompanhe nosso artigo e saiba o que é mito e o que é verdade quanto ao banho quente na gravidez.

 

O banho quente na gravidez

 

Muitas pessoas dizem que é um mito essa questão de o banho quente na gravidez ser prejudicial para o bebê. Na verdade, isso não é um mito. O que acontece é que banhos em altas temperaturas podem realmente ser muito prejudiciais ao bebê. Portanto, a afirmação é verdadeira.

 

Dessa forma, durante todo o período da gravidez é muito importante evitar banhos com água em temperaturas muito altas, pois isso pode acarretar até mesmo na má formação congênita da criança. Portanto, em todo o período da gravidez, banhos muito quentes ou por longos períodos de tempo devem ser evitados, principalmente nos três primeiros meses.

 

Após esse período, banhos quentes de forma ocasional e que não ultrapassem 10 minutos já são permitidos.

 

banho quente na gravidez

Quais os problemas do banho quente para o bebê

 

Durante a gravidez, os banhos altamente quentes podem provocar alguns problemas para o bebê. Um desses problemas é que a criança na barriga da mamãe não terá como proteger desse superaquecimento, o que pode ser extremamente prejudicial a ele.

 

Outro problema é que o banho quente na gravidez, como já vimos, pode trazer problemas de má formação congênita do bebê. Além disso, nos três primeiros meses, banhos altamente quentes aumentam o risco de aborto.

 

 

Qual a temperatura certa para o banho na gravidez

 

Quando falamos em evitar tomar banho quente na gravidez, não estamos dizendo que é preciso tomar banhos frios. No entanto, é preciso ter bom senso na hora da escolha da temperatura do seu banho.  O correto é que o banho da futura mamãe não tenha uma temperatura mais alta do que a temperatura normal de seu corpo. Essa temperatura está por volta de 36 a 37 graus e meio.

 

Assim sendo, a gestante pode até tomar um banho quente, desde que o mesmo não ultrapasse os 37,5º C. É preciso, no entanto, evitar banhos em banheiras quentes e saunas, uma vez que controlar a temperatura das mesmas nem sempre é possível.

 

 

Como deve ser o banho durante a gravidez

 

Não se pode negar a eficácia dos banhos relaxantes feitos em uma banheira. Portanto, tomar um banho na banheira é muito importante principalmente para relaxar o corpo e diminuir eventuais dores musculares. Outra vantagem do banho de banheira é que ele também ajuda a evitar problemas de insônia.

 

Este tipo de banho deve ser quente, mas desde que, como vimos, não passe de 37,5º C. Para tomar o banho de banheira, a futura mamãe deve tomar alguns cuidados básicos:

 

  1. Durante a gravidez, as chances de ter uma queda são grandes. Por isso, tenha certeza de tomar o seu banho de banheira quanto tiver alguém em casa pra ajudar a entrar e sair da banheira.
  2. Evite fazer banho de espuma, pois eles geralmente costumam desequilibrar o pH da vagina, destruindo as bactérias boas e aumentando o crescimento das bactérias ruins. Se ainda assim você quiser fazer um banho de espuma, opte pela espuma para peles sensíveis, que são menos propensos a esse tipo de problema.
  3. Misture um pouco de água fria com a água quente, certificando-se de a água alcance a temperatura ideal.
  4. Teste a temperatura da água com o auxílio de um termômetro. Se não o tiver, você pode testar a água com o cotovelo ou antebraço, já que essas áreas são mais sensíveis às mudanças de temperatura do que as mãos. A água deve estar confortavelmente quente, mas não fervendo a ponto de você precisar entrar lentamente.
  5. Mantenha uma garrafa de água à mão e beba-a enquanto estiver na banheira para diminuir as chances de desidratação
  6. Ao terminar o seu banho, permaneça sentada na banheira enquanto a água estiver drenando. Isso irá fazer com que o corpo esfrie lentamente, impedindo uma queda súbita da pressão arterial, que ocorre quando o corpo esfria muito rapidamente.

 

 

Gostou do nosso artigo sobre o banho quente na gravidez? Se gostou, não deixe de compartilhá-lo com seus amigos e familiares em suas redes sociais.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *