Pedilúvio alternado – o tratamento caseiro relaxante

Pedilúvio alternado, você já ouviu falar?

Pedilúvio alternado, nada mais é do que um escalda pés (pedilúvio quente). O que diferencia um do outro é que, enquanto no pedilúvio quente o escalda pés é feito apenas com água quente, no pedilúvio alternado ele alterna entre água quente e fria.

O pedilúvio alternado, além de ter um poderoso efeito relaxante, também possui outros efeitos benéficos para o corpo. Dentre esses benefícios estão a melhora na circulação sanguínea e no retorno venoso. A melhora na circulação sanguínea é potencializada justamente por esse processo alternado entre a água quente e a água fria.

Além dos efeitos benéficos na circulação sanguínea, o pedilúvio alternado também proporciona todos os benefícios do escalda pés comum. Esses benefícios são: descongestionamento do ventre, peito e cabeça, efeito relaxante, favorece o sono, alivia as dores dos pés, reduz o inchaço, alivia o estresse, etc.

pedilúvio alternado

Como fazer o pedilúvio alternado

Fazer o pedilúvio alternado é muito simples. Você deverá separar duas bacias.

Para uma das bacias, aqueça a água até uma temperatura que seja suportável para não queimar a pele (entre 38º a 42º). Encha até a altura das panturrilhas. Se preferir, junto a essa água, adicione 2 colheres de sopa de sal grosso.

Na outra bacia, coloque a mesma quantidade de água fria, em temperatura ambiente.

Mergulhe seus pés na água quente e mantenha-os ali por 4 minutos. Após esse período, tire os pés da água quente e mergulhe-os na bacia de água fria por 1 minuto. Você deverá repetir esse procedimento por mais três vezes, totalizando um período de 20 minutos.

Como o nome mesmo diz, o pedilúvio alternado consiste nessa troca entre água quente e fria. Você pode potencializar os efeitos do seu pedilúvio alternado colocando algumas gotas de óleos essências na água quente.  Se não tiver óleos essências, pode fazer uso de plantas com efeitos medicinais, sendo folhas ou flores, como: camomila, erva doce, alfazema, hortelã, calêndola, alecrim, etc.

Procure sempre usar o sal grosso na água, pois ele ajuda na eliminação de inchaços devido ao seu poder de drenagem de líquidos acumulados no corpo.

Ao final de todo o processo, você pode potencializar ainda mais os efeitos relaxantes do pedilúvio quente, fazendo uma boa massagem em seus pés com algum creme à base de arnica.

Você pode fazer o pedilúvio alternado todos os dias, se quiser. Ele deve ser feito preferencialmente à noite, devido ao seu poder relaxante e potencializador do sono.

Se você quiser saber mais sobre o pedilúvio quente, clique aqui.

Leave a Reply