Entenda a importância dos Óleos essenciais na Aromaterapia

Você já pensou em utilizar óleos essenciais para solucionar problemas como insônia, angústia física e mental, incômodos intestinais e diversos outros problemas? É isso que a aromaterapia faz já há bastante tempo e com ótimos resultados.

Os óleos essenciais, dentro da aromaterapia, são os responsáveis pela busca incessante pela melhoria na disposição física e mental do corpo humano. Desta forma, a aromaterapia é um método holístico que
procura restabelecer o equilíbrio do indivíduo sob os mais diversos aspectos.</ p>

Hoje vamos falar sobre aromaterapia e óleos essenciais e de que forma eles são importantes para o restabelecimento da saúde do seu organismo como um todo.

O que é a aromaterapia e como ela funciona?

A aromaterapia é um termo que possui dois significados: aroma quer dizer cheiro e terapia é o tratamento contra algum problema de saúde.

Sendo assim, aromaterapia pode ser definido como a busca da cura de alguma enfermidade através do cheiro.

Os óleos essenciais são os ingredientes para este tratamento. Além de cheiro forte e intenso, eles possuem inúmeras propriedades benéficas não só à saúde do organismo, como também à saúde do ambiente e à estética.

Para começar um tratamento, é preciso definir o problema para o qual deseja solução e só aí escolher o óleo específico e seguir corretamente as instruções de uso do remédio. Sim, os óleos essenciais são considerados
remédios, mesmo que naturais e não devem ser usados indiscriminadamente.

Portanto, assim como acontece com uma terapia tradicional é indicado ao paciente fazer uma avaliação com um profissional para que ele identifique o problema e ofereça o método mais eficiente, assim como o óleo
ideal.

Como o corpo reage à ação dos óleos essenciais?

Existem diversas maneiras de realizar o tratamento da aromaterapia e óleos essenciais. Dois exemplos bastante comuns são as massagens e a inalação do produto. Cada uma destas opções é indicada de
acordo com o problema que o indivíduo está passando.

Quando os óleos essenciais são absorvidos pela pele através de inalação, o cérebro é o responsável por processar estas informações e estimular o corpo a responder este pedido de ajuda que pode ser liberando
células de defesa, por exemplo.

Em se tratando de massagens, a pele é a responsável diretamente pela absorção das substâncias presentes nos óleos na área afetada especificamente. Lembrando que, neste caso, o óleo essencial deve
estar misturado a outro óleo ou hidratante de massagem para evitar o contato direto com a pele.

Quais são os benefícios dos óleos essenciais?

Os óleos essenciais e a aromaterapia não se limitam apenas ao uso medicinal, mas também como purificadores do ar e do ambiente. Portanto, você pode utilizá-lo na sua casa, sem problemas para combater odores, bactérias e outros malefícios. Veja agora uma lista de benefícios deste tratamento.

  • Atua no controle da ansiedade;
  • Combate altos níveis de insônia devido às propriedades
    calmantes;
  • Os óleos têm ação anti-inflamatória e antisséptica;
  • Reduz desconfortos abdominais e gastrointestinais;
  • Os óleos ossuem propriedades sedativas que relaxam e
    acalmam;
  • A retenção líquida pode ser diminuída com a
    aromaterapia;
  • Tem função expectorante com melhora na respiração e
    eliminação de fluidos nasais;
  • Os óleos podem ser utilizados, inclusive, como perfumes
    naturais;
  • A aromaterapia atua contra a ação de bactérias e fungos;

Os óleos essenciais podem ser utilizados dentro de casa para despoluir o ambiente deixando o ar mais agradável e saudável, e também ajuda a deixar a casa livre da presença de insetos.

A aromaterapia é um tratamento holístico que usa os óleos essenciais como ingredientes principais no combate à diversas enfermidades de ordem física e emocional, passando, inclusive, para o equilíbrio dentro de casa. Procure a orientação de um profissional qualificado e descubra o melhor oleo essencial e método de uso para manter a sua saúde em dias.

Leave a Reply