Óleo de Peixe: usos e benefícios

O óleo de peixe e o ômega 3

Como falar em óleo de peixe e não pensar em ômega 3? Sim, o ômega 3 é encontrado na carne dos peixes, mas tem sido muito consumido através de cápsulas.

Dos muitos peixes que são fontes de ômega 3 podemos encontrar o salmão, sardinha, atum, bacalhau e arenque. No entanto, para quem não pode estar comendo peixe todos os dias, a melhor opção realmente são as cápsulas. Além da praticidade, a vantagem das cápsulas é que elas são concentradas. A maioria das que encontramos possuem cerca de 600mg de ômega 3 para cada 1gr de óleo. Isso é muito bom, não é mesmo?

Os ácidos graxos ômega 3, também conhecidos como “essenciais”, devem ser consumidos sob forma de gordura, uma vez que não podem ser sintetizados pelo corpo. Os principais benefícios do ômega 3 estão na diminuição dos níveis de triglicerídeos e colesterol ruim LDL, favorecendo o aumento do colesterol bom HDL.

Mas ele pode fazer muito mais por nossa saúde. Acompanhe a seguir, todos os benefícios que esse poderoso óleo pode trazer:

Pele, cabelo e unha

Poderoso na estimulação do colágeno, o óleo de peixe pode ser usado para recuperar pele, cabelos e unhas que estão fracos quebradiços e sem vida.

Amigo do coração

Não é à toa que o óleo de peixe é conhecido como o óleo do bem. Ele leva esse nome por conta de sua função de reduzir os níveis de colesterol no sangue. Além disso, ele também ajuda a regular a pressão arterial e proporciona a redução de triglicérides.

E não para por aí. O óleo de peixe também atua na prevenção da aterosclerose e acidentes vasculares cerebrais.

Olhos

O óleo de peixe auxilia na prevenção da degeneração celular dos olhos, também evitando a síndrome do olho seco.

Prevenção do câncer

Por conta dos ácidos graxos contidos no óleo de peixe, pesquisas já comprovam sua eficácia no combate a alguns tipos de cânceres. Dentre eles estão os cânceres de próstata, mama, cólon, testículo e ovário.  Essa ação ocorre porque os ácidos graxos trabalham na prevenção da formação e multiplicação de células anormais.

Anti-inflamatório

A ação anti-inflamatória do óleo de peixe atua diretamente no tratamento da inflamação no sangue e tecidos.

Sistema imunológico

A presença dos ácidos graxos ômega 3 no óleo de peixe faz com que esse óleo seja um forte aliado no fortalecimento do sistema imunológico. Dessa forma, doenças como gripes e resfriados podem ser evitadas. Ele também auxilia no tratamento coadjuvante do lúpus, uma doença autoimune.

Artrite

O consumo do óleo de peixe também auxilia no tratamento da artrite e reumatismo. Também é benéfico até para a osteoartrite, pois ajuda na redução do impacto das enzimas destruidoras da cartilagem. Tudo isso vem sendo comprovado como resultados de muitas pesquisas.

Depressão e ansiedade

Mais um dos benefícios que os ácidos graxos promovem à nossa saúde é auxiliar no tratamento dos distúrbios do sistema nervoso. Dentre esses distúrbios, podemos destacar:  depressão, tristeza, ansiedade, inquietação, cansaço mental e estresse. Estudos têm revelado que até mesmo o transtorno bipolar pode ser tratado com o auxílio do óleo de peixe.

Doença de Alzheimer

Os ácidos graxos contidos no óleo de peixe – incluindo EPA e DHA -, são excelentes coadjuvantes no tratamento do Alzheimer.  É importante observar que o óleo de peixe não é um remédio contra a doença, mas sim um auxiliar no tratamento. Tantos são seus benefícios que a Associação de Alzheimer recomenda a ingestão de ácidos graxos ômega-3 para seus pacientes.

Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH)

Pesquisas realizadas na Universidade do Sul da Austrália têm comprovado a eficácia do óleo de peixe demonstrando melhoras significativas no comportamento de crianças com TDAH que fizeram uso dele por um período de 15 dias. Assim sendo, crianças com sinais de hiperatividade, dislexia, instabilidade emocional, falta de atenção ou concentração, fraqueza, impulsividade, entre aspectos do relacionados ao TDAH podem ter grandes melhoras com o uso do óleo de peixe.

Emagrecimento

Falando em tantos benefícios, como o óleo de peixe poderia não auxiliar também no emagrecimento? Isso acontece por causa de sua alta concentração de ômega 3, que é um forte coadjuvante nos processos de emagrecimento. Mas vale lembrar que ele é um coadjuvante, e não fará o trabalho sozinho. O óleo de peixe ajuda no processo de emagrecimento quando administrado com alimentação balanceada e prática de atividades físicas.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *