Óleo de girassol: usos e benefícios

Com aroma delicado e de cor amarelada, característicos da flor que o origina, o óleo de girassol tem trazido benefícios tanto na estética quanto na saúde. Ele é extraído das sementes do girassol, e facilmente encontrado em casas de produtos naturais ou supermercados.

Por causa do seu poder antioxidante, ele trabalha em favor de nosso organismo fortalecendo a imunidade. Também é rico em ácidos graxos essenciais e vitamina E, além agir como controlador do colesterol no sangue. Bom isso, não é? Mas os benefícios desse poderoso óleo não param por aqui não. Veja a seguir tudo o que o óleo de girassol é capaz de fazer por você e por sua saúde.

Óleo de girassol para a beleza

Hidratação da pele – O óleo de girassol, por ser rico em vitamina E, proporciona resultados incríveis na pele.  Durante o banho ele deve ser espalhado com massagens por todo o corpo por alguns minutos. Depois disso, basta enxaguar com água preferencialmente fria e deixar secar naturalmente. Esse procedimento com certeza irá garantir uma pele mais macia e de aspecto saudável.

Hidratação dos cabelos – Quem não quer ter cabelos mais macios, sedosos, super hidratados e brilhantes? Pois o óleo de girassol é capaz de proporcionar tudo isso aos seus cabelos. Para obter esses resultados, ele deve ser passado nos cabelos secos, agindo por 15 a 20 minutos. Depois disso, as madeixas podem ser lavadas normalmente.

Rugas – Rico em ácido linoleico, esse óleo age prevenindo a formação de cicatrizes, minimizando o aspecto das rugas.

Antienvelhecimento – Outro benefício do óleo de girassol é que ele, além de hidratar a pele, também a protege do envelhecimento precoce. Isso também é devido à sua ação antioxidante.

Outros benefícios

Amigo do coração –  O óleo de girassol combate problemas degenerativos e o descontrole do colesterol. Por conta disso, melhora a saúde do coração e dos vasos sanguíneos.

Cicatrização – Uma ótima opção natural é usar o óleo de girassol sobre feridas, pois ele não somente ajuda na cicatrização, como também ajuda na renovação da pele.

Óleo de girassol na cozinha

O que torna o óleo de girassol uma das opções mais saudáveis da classe dos óleos, é que ele não possui gorduras saturadas em sua composição. Além disso, é rico em ácidos graxos ômega 6.

Embora possa substituir o óleo comum de cozinha, não é aconselhável que ele seja utilizado para frituras ou que passe por qualquer processo de aquecimento. Isso porque o óleo de girassol – como todos os óleos – ao serem aquecidos, perdem todas as suas propriedades.

Vale lembrar também que, embora possua todos esses benefícios que já vimos, ele não deixa de ser um óleo, portanto, muito calórico. Por conta disso, deve ser consumido com moderação.

Por isso, recomenda-se que se faça uso do óleo de girassol em saladas, legumes e quaisquer outros pratos já prontos. A quantidade diária recomendada é de 1 a 2 colheres de sopa, não devendo ultrapassar.

 

óleo de girassol

A cura através do óleo de girassol

Existe uma pesquisa que comprova a eficácia de um procedimento caseiro feito com o óleo de girassol para combater diversos males.  Esse trabalho foi desenvolvido pelo médico bacteriologista Dr. Karach, e foi muito divulgada na década de 90.

Esse tratamento é feito através de bochechos diários com o óleo de girassol. Segundo o médico, essa terapia do óleo pode servir para curar células, tecidos e órgãos de nosso corpo.

Dentre os males que podem ser prevenidos e até mesmo curados pelo bochecho do óleo de girassol estão:

  • dores de cabeça
  • doenças sanguíneas crônicas
  • bronquite
  • dor de dente
  • tromboses
  • artroses
  • eczemas
  • úlcera de estômago
  • problemas intestinais, cardíacos e renais
  • encefalite
  • doenças femininas

O bochecho deve ser feito diariamente durante 15 minutos com 1 colher de sopa do óleo e água. Depois disso, ele deve ser totalmente expelido, e a boca muito bem enxaguada, escovando os dentes em seguida.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *