Você sabe o que é fitoterapia? Conheça essa medicina milenar

Não é raro encontrarmos pessoas que se perguntem sobre o que é fitoterapia. Ainda assim, esse tipo de tratamento tem se tornado cada vez mais popularizado em todo o mundo, e não é diferente aqui no Brasil. Tanto é a sua eficácia, que nas últimas décadas têm se multiplicado as informações sobre as vantagens das plantas medicinais e tratamentos fitoterápicos.

Por conta disso, é também crescente o comércio de medicamentos à base de ervas, que veem substituindo, com muita eficácia, os medicamentos sintéticos. Mas isso não significa uma novidade, muito pelo contrário. Trata-se da medicina usada no passado, retomando aos nossos costumes nos dias atuais.

Pois então, se você se tem dúvidas sobre o que é fitoterapia, acompanhe nosso artigo e saiba tudo sobre essa poderosa forma de tratamento.

 

O que é fitoterapia

 

Fitoterapia é o tratamento – ou prevenção – de doenças através do uso de plantas. Seu nome é derivado de uma junção das palavras gregas “phyton”, que quer dizer “planta”, e “therapeia”, que significa “tratar” ou “cuidar”. Assim sendo, pode-se dizer que a fitoterapia é o tipo de tratamento terapêutico caracterizado pelo uso de plantas medicinais em suas diferentes formas.

Em outras palavras, pode-se dizer que é a cura de doenças por meio da utilização de plantas. Isso significa que todos os medicamentos fitoterápicos são feitos com uma combinação de ervas medicinais e, para isso, são utilizadas todas as suas partes: folhas, flores, troncos e até mesmo raízes. Além disso, pode ser utilizada matéria prima fresca ou seca.

Vale lembrar que não somente ervas são usadas na fitoterapia, mas todos os elementos da natureza: frutas, flores, sais etc.

É importante dizer que, por ser um tratamento natural, a fitoterapia é adequada para pessoas de qualquer idade. Isso inclui crianças e idosos, que respondem bem às ações suaves das ervas. Por se tratar de um tratamento alternativo de altíssimos resultados e sem prejuízo à saúde, a fitoterapia tem tido um significativo crescimento no século XXI. É também uma das formas de tratamento bastante populares no Brasil, devido à sua origem indígena.

 

Como surgiu a fitoterapia

 

Embora esteja no auge da moda, os tratamentos à base de elementos naturais não surgiram agora. Trata-se de uma prática antiga, que surgiu há milhares de anos, sendo a única fonte de cura para diversas doenças. Isso, porque as ervas eram o único recurso para tratar doenças na antiguidade.

Por conta disso, as civilizações mais antigas já faziam uso dos elementos da natureza para a cura de enfermidades, bem como a China, Egito Antigo, Grécia Antiga etc. Aqui no Brasil, a prática da medicina natural tem origem nas tribos indígenas, desde antes de Cabral.

 

o que é fitoterapia

 

Tipos de preparos usados na fitoterapia

 

Para fazer o remédio natural, as ervas passam por diferentes tipos de processamento. A saber:

 

  • Infusão: feita com as ervas mergulhadas em água fervente.
  • Decocção: feita com as partes mais duras das ervas (troncos, raízes etc.) cozidas juntamente com a água fervente.
  • Maceração: Método que permite extrair os princípios ativos da planta (folhas, ervas, sementes). Pode ser feito através do esmagamento das mesmas (geralmente com o auxílio de um pilão) ou mergulhando as partes da planta em óleo vegetal.
  •  Xaropes: cozimento das ervas, geralmente junto com açúcar, que resulta em um líquido espesso e doce.
  • Cataplasmas: utilização do uso tópico das ervas, geralmente umedecidas ou maceradas, envolvidas com um pano, para tratamentos de pele.
  • Compressas: infusão ou decocção de ervas, cujo líquido é usado para embeber um tecido para aplicar sobre a pele.
  • Loções: infusões ou decocções, combinadas com outros ingredientes, que resultam em um preparo líquido e suave.
  • Tinturas: Extratos concentrados com álcool e plantas medicinais.
  • Óleos essenciais:Extratos naturais super concentrados das plantas, extraídos por destilação a vapor ou  prensagem a frio.

Pode-se ainda encontrar o princípio ativo das ervas em cápsulas, que são feitas com o extrato da planta.

 

O que pode ser tratado com a fitoterapia

 

Tanto os tratamentos para a cura como a prevenção de todo tipo de doenças podem ser feitos com a fitoterapia. Portanto, podemos tratar todas as áreas de nossa saúde através da medicina natural:

 

  • Articulações e ossos
  • Coração e Circulação
  • Emagrecimento e nutrição
  • Fertilidade, Gravidez
  • Saúde hormonal
  • Saúde emocional
  • Estresse
  • Energia e Vigor
  • Digestão
  • Alergias
  • Sistema imunológico
  • Pele, unhas e cabelos etc.

 

Diante de tantos benefícios, que tal dar uma chance à fitoterapia e se beneficiar com os tratamentos à base de ervas? Aqui em nosso blog você encontrará vários tratamentos para a saúde através da natureza.

 

E então, agora você já sabe o que é fitoterapia? Se esse artigo foi útil para você, não deixe de compartilhar com seus amigos nas redes sociais. Até o próximo post!

Leave a Reply