Limonete: usos e benefícios para a saúde

Embora não seja uma das ervas mais conhecidas por aqui, o limonete é um forte aliado para a perda de peso. Além disso, auxilia na manutenção de músculos, redução de inflamações e auxilia no sistema imunológico.

Embora seja uma planta nativa da América do Sul, a planta popularizou-se pelo mundo, com o nome de lemon verbena. É utilizada como uma erva medicinal e para dar sabor a diversos alimentos.

Trata-se de um arbusto que pode crescer até três metros, e responde a toques físicos em suas folhas. O limonete também é um popular tempero para pratos com aves ou peixes, assim como saladas e algumas bebida.

Sua principal utilização medicinal é feita através do óleo essencial, que possui uma altíssima concentração de antioxidantes. Além disso, pode-se consumir o componente ativo através de suplementação em cápsulas ou chás.

Saiba tudo sobre o limonete, e quais são seus benefícios para a saúde:

Benefícios do limonete para a saúde:

Entre os principais benefícios atribuídos ao limonete, para a saúde, destacam-se:

Perda de peso

Sem dúvidas, este é o principal efeito atribuído ao limonete, e um dos principais responsáveis por sua popularidade. Enquanto muitos chás são sugeridos para a perda de peso, poucos são tão eficientes quanto o chá do limonete.

Há apenas duas calorias por chá servido com suas folhas, e sua ingestão reduz o apetite e a compulsão. Desta forma, aqueles que possuem mais dificuldade de controlar-se, encontra um forte aliado no chá da erva.

Além disso, a planta possui um importante efeito metabólico. Ela acelera o metabolismo, fazendo com que a queima de gordura ocorra mais rapidamente. Isso otimiza os processos corporais de diversas maneiras.

Proteção muscular

Outra importante qualidade desta erva é sua capacidade de manutenção da massa muscular. Trata-se de um efeito bastante distinto, raro na maioria dos chás comuns. Além de ser utilizado como uma forma de queimar gordura mais rapidamente, o limonete possui uma capacidade antioxidantes capaz de diminuir os danos musculares durante a malhação.

Isso garante que haja desenvolvimento de massa magra, mas sem fadiga ou perda excessiva de estamina. Desta forma, o limonete funciona muito bem como um pré treino.

Sistema imunológico

Poucas coisas combinam tão bem com a melhoria do sistema imunológico, quanto antioxidantes. Mais precisamente, o “estresse oxidativo” é o que danifica o nosso corpo de forma inevitável com o tempo. Ele ocorre através da presença da radicais livres no organismo.

Estas presenças enfraquecem os órgãos, promovem mutações celulares e doenças diversas. Os antioxidantes presentes no limonete lutam contra a presença destes radicais livres.

cha-de-limonete1

Febres

Na medicina tradicional de nativos da América do Sul, o limonete possui um conhecido efeito de fazer seu consumidor suar. Isso auxilia, colateralmente, a reduzir febres e acelerar o processo de cura de doenças inflamatórias.

Problemas de ansiedade

Embora a ansiedade possa ter origens psicológicas, ela também pode ser atribuída a questões hormonais. Nestes casos, o limonete pode ter boa influência para melhorar a situação. Seu efeito calmante está envolvido com o auxílio na regulação dos hormônios do corpo, gerando efeitos que evitam a necessidade de remédios sintéticos.

Congestões de vias respiratórias

Outro efeito conhecido desde os tempos dos nativos do continente é a propriedade expectorante da erva. Isso significa que o chá de limonete pode descongestionar as vias respiratórias, liberando-as para uma melhor respiração. Embora ele não combata diretamente os agentes patológicos que causam o problema, o chá é capaz de lutar contra seus sintomas incômodos.

Cuidados e observações

Apesar de possuir efeito bastante positivo e poucos efeitos colaterais, o limonete pode gerar reações alérgicas leves. Geralmente, elas ocorrem na forma de dermatite.

Além disso, quem sofre de doenças nos rins deve evitar o consumo recorrente do chá, considerando que ele pode piorar a situação. Se este for o seu caso, é recomendado consultar um médico de maneira prévia, para analisar a existência ou não de riscos no consumo.

Veja também:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *