Java: ações diurética e emagrecedora são as principais

Java é uma planta usada como remédio caseiro principalmente por sua função diurética. Ela serve, segundo tradições populares, para problemas como cistite, adenoma benigno da próstata, uretrite, prostatite, urolitiase e outras condições urinárias crônicas.

E mais: em cápsulas ou infusão, a erva é considerada uma das melhores quando os objetivos são queimar gordura e atuar na retenção hídrica. Por esses motivos, surge com frequência como coadjuvante nas dietas de controle de peso.

É considerada útil ainda no tratamento de hipertensão, reumatismo, colesterol alto, litíase renal, gota, hiperlipidemias, obesidade; afecções hepáticas e cardíacas; disquinesias biliares e colecistite.

Além disso, age como antisséptica e depurativa, podendo ser utilizada em machucados para reduzir o risco de infecções. A ela é atribuída também a capacidade antioxidante, podendo otimizar a atividade celular e o metabolismo das gorduras.

Com isso, acredita-se que a Java possa inibir a oxidação dos lipídios e a formação de placas ateroma nas paredes das artérias. E mobilizar a gordura corporal, diminuir o colesterol total e o LDL, o colesterol ruim.

O chá de Java é considerado por muitos um facilitador da perda de peso, pois conta com propriedade diurética que ajuda a eliminar o excesso de líquidos e toxinas acumulado em nosso corpo, que provoca inchaço e inflamações.

Somado a isto, está o fator antioxidante, que contribui na manutenção do organismo mais limpo dos efeitos dos radicais livres, potencializando a depuração dos nossos sistemas e processos. Com a “máquina” funcionando melhor, o emagrecimento ganha também, não é mesmo?

Java: características, usos e advertências

Conhecida popularmente como bariflora, a Java tem origem asiática, mas atualmente é encontrada em boa parte do mundo. Na América do Sul, cresce principalmente em regiões de clima tropical.

Seu nome oficial é Ortisiphon. Essa espécie arbustiva que chega a 1,20 m de altura é vendida em forma de folhas secas ou cápsulas, nas farmácias e em lojas de produtos naturais.

Acredita-se que a Java promove a diminuição do apetite porque é rica em potássio. O mineral, combinado com um regime alimentar adequado e equilibrado, estaria por trás de fatores como sensação de saciedade e da redução do desejo por itens que engordam.

Mas o que será que o chá de Java possui para ser capaz de tanta coisa? Os ingredientes ativos atribuídos à planta são os seguintes:

  • Ácidos orgânicos (ursólico, rosmarínico, benzoico, cafeico e glicólico)
  • Alfa-amirina
  • Betaina
  • Beta-sitosterol
  • Colina
  • Diterpenos
  • Flavonoides (eupatropina, salvigenina, cirsiaritina, sinensetina etc.)
  • Inositol
  • Metilripariocromeno A
  • Óleos essenciais
  • Ortosifonina (glicosídeo amargo)
  • Polyphenols
  • Sais de magnésio
  • Sais de potássio
  • Saponinas triterpênicas (sapofonina)
  • Sesquiterpenos (β-selineno, β-elemeno, β-cariofileno etc.)
  • Taninos

Atenção: este post tem função de informar. Não substitui consulta e prescrições médicas. Plantas medicinais podem ter contraindicações e interações medicamentosas. Consulte sempre um naturopata ou fitoterapeuta e seu médico antes de começar qualquer tratamento.

Aviso: os taninos e princípios amargos presentes na Java tendem a provocar aumento da secreção cloropéptica. Além disso, o sabor intenso da infusão pode causar vômito e náuseas em algumas pessoas.

O consumo de Java não é recomendado para indivíduos com insuficiência renal ou cardíaca. A ingestão só pode ocorrer se prescrita por um médico.

Quanto ao potencial emagrecedor da erva, há quem prefira combinar a Java com outras plantas, como fucus ou camilina, na intenção de otimizar os resultados.

Porém, se a opção por o fucus, por exemplo, convém consultar um endocrinologista. É que, havendo um problema de tireoide, a erva é capaz de agravar a condição porque costuma alterar níveis hormonais.

Outra dica sobre a perda de peso, é que a Java não deve substituir tratamentos, apenas, se for indicada por um profissional, complementar os demais. É bom lembrar de manter uma vida saudável e fazer exercícios regularmente.

Cuide-se! Até breve…

Leave a Reply