Erva-mate: usos e benefícios

A erva-mate oferece uma quantidade enorme de benefícios para a saúde. Na lista de vantagens, estão a redução de risco de doenças cardiovasculares, prevenção do câncer e melhoria no sistema imunológico. Além disso, sua ação antimicrobiano a anti-inflamatória fazem parte dos principais benefícios conhecidos.

A erva-mate é muito conhecida como o ingrediente principal para diversos chás. Entre eles, o chimarrão, o chá mate, o tererê e diversas outras variáveis. A bebida chamada de chimarrão no sul do Brasil, por exemplo, também possui uma forma muito semelhante de consumo na Argentina, no Uruguai e em algumas regiões do Paraguai.

Saiba as origens da erva-mate, e quais são seus principais efeitos sobre o corpo e a saúde de quem a consome regularmente.

A popularização da erva-mate

Esta popularidade ocorre em função de sua ampla utilização pelos indígenas nativos da região. O mate era utilizado como um chá de cura, rico em variadas propriedades medicinais. Com o tempo, foram desenvolvidas formas de consumo que agradassem países europeus e da América do Norte.

Com potente efeito estimulante e outros benefícios para a saúde, sua popularização ao redor do mundo não foi difícil. A erva-mate está entre as mais estudadas e conhecidas entre as ervas estimulantes.

Componentes da erva-mate

Em uma única dose de chá mate – seja através de chá comum, chimarrão, ou qualquer outro método – uma enorme quantidade de componentes podem ser encontrados. A erva é uma fonte rica em diversos antioxidantes e elementos estimulantes.

Além disso, minerais como zinco, cromo, potássio, cobre, alumínio, outo, manganês e níquel estão presentes nas folhas do mate. A erva-mate também é uma fonte de vitaminas C, B1 e B2.

Benefícios da erva mate para a saúde

chimarrao

Entre os principais benefícios atribuídos à erva-mate, destacam-se:

Propriedades antioxidantes

O consumo de mate é capaz de fornecer uma enorme quantidade de antioxidantes para o corpo. Há uma grande variedades de fitoquímicos e polifenóis presentes em suas folhas, o que gera efeitos positivos para o corpo.

Desta forma, ele oferece um reduzido estresse oxidativo. Este estresse aumenta o risco de doenças no fígado e no coração. Além disso, ao combater os radicais livres no corpo, o mate auxilia na prevenção do corpo, inibindo mutações celulares.

Benefícios para a saúde cardíaca

Como mencionado anteriormente, a erva-mate contem polifenóis. Além de serem antioxidantes, estes compoenentes reduzem diretamente os riscos de doenças cardiovasculares.

Diversos estudos já demonstraram que o consumo de chás de mate possuem impactos benéficos nos parâmetros de lipídios. Isso ajuda diretamente na redução do colesterol LDL, considerando ruim.

Além disso, o consumo regular dos nutrientes da erva auxiliam a proteger o miocárdio, no coração, o que auxilia no combate à oxidação que leva, muitas vezes, ao derrame.

Capacidade antimicrobiana

De acordo com estudos, a erva auxilia no combate a organismos microscópicos nocivos para a saúde. Entre eles, bactérias alimentares ou que circundam situações animais, estão entre os principais riscos à saúde – e podem ser evitados com o consumo da erva-mate.

Propriedades anti-inflamatórias

Os flavonoides contidos na erva também são benéficos para a redução e a prevenção de inflamações. Esta propriedade típica do mate é especialmente útil na redução de riscos de doenças crônicas que agravam-se com a inflamação, como a artrite e a gota.

Controle de peso e obesidade

Um efeito colateral da atuação da erva-mate no corpo é a eventual redução de peso. Isso ocorre através de dois movimentos diferentes. O primeiro, é na aceleração da queima de gorduras armazenadas, que ocorre de forma mais direta.

O segundo, por sua vez, e a sensação de saciedade aumentada que seu consumo gera. Desta forma, sua atuação facilita no controle da ingestão de alimentos e, portanto, manutenção de uma dieta saudável.

Veja também:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *