Chás abortivos

O artigo a seguir refere-se a receitas de chás para tratamento medicinal para problemas de menstruação atrasada, também com forte função de chás abortivos.

Os chás abortivos são assim são chamados, pois eles têm ação que age no organismo induzindo a menstruação, por isso é muito utilizado para quem tem problemas com falta de menstruação. Esses chás são altamente abortivos, portanto, mulheres gestantes devem ficar atentas.

Os chás abortivos também são assim considerados por conta de sua alta toxidade e, se forem feitos uso diariamente, podem provocar o aborto. O que acontece é que esses chás abortivos provocam contrações e períodos menstruais em uma mulher. O chá pode ser feito em infusão e deve ser tomado de 4 a 5 vezes ao dia.

Em termos científicos, não existe uma erva especificamente abortiva. O que acontece com algumas ervas, se ingeridas, é que elas acabam provocando uma intoxicação no organismo materno.

No entanto, dependendo da alta toxidade que essas plantas – em excesso – podem provocar, é considerado um grande risco à saúde também da mãe.

Veja a seguir, uma lista de ervas que fizemos para você, com plantas que são consideradas abortivas. Vale lembrar que os efeitos abortivos acontecem quando ingeridos esses chás várias vezes dia, por dias repetidos.

Lista de ervas de chás abortivos

 

A seguir, fizemos uma lista de chás abortivos com os nomes populares de suas ervas.

  • Aloe Vera (babosa)
  • Angelica
  • Arruda
  • Arnica
  • Artemísia (losna)
  • Azedaraque
  • Beldroega
  • Buchinha do norte
  • Canela
  • Cáscara sagrada
  • Catuaba
  • Alecrim
  • Copaíba
  • Cravo dos jardins
  • Erva andorinha
  • Erva de bicho
  • Erva de Santa Maria
  • Erva grossa
  • Erva macaé
  • Guaco
  • Hera
  • Hortelã
  • Ipê
  • Jaborandi
  • Jarrinha
  • Jurubeba
  • Mata pasto
  • Mirra
  • Noz moscada
  • Peónia
  • Pessegueiro
  • Quebra pebra
  • Romã
  • Ruibarbo
  • Salsaparrilha
  • Sene
  • Tansagem
  • Tinguaciba
  • Trombeta

 

 

chás abortivos

Receita de chá abortivo

 

Um dos chás abortivos que são utilizados é feito com losna ou arruda. Para fazer o chá, a quantidade de erva é de 10 a 12 colheres de sopa para um litro de água.

 

O chá pode ser feito com apenas uma dessas ervas. Se for usar as duas ervas juntas, deve-se então usar de 6 a 7 colheres de sopa de cada uma, para um litro de água.

 

Considerações importantes

Como já dissemos, vale lembrar que as ervas mencionadas possuem um forte efeito abortivo se ingeridas em excesso. Além disso, o “poder abortivo” popularmente conhecido por essas ervas acontece pois, quando se toma em excesso, esses chás podem provocar maiores contrações, gerando à perda fetal. Outro efeito que esses chás abortivos provoca é a indução da menstruação.

 

Esse artigo tem por finalidade informar a ação provocada pelas plantas aqui mencionadas, e não induzir à prática abortiva.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *