Chá pu-erh: a nobreza milenar do chá oriental

Você já ouviu falar no chá pu-erh? Mas com certeza você já deve ter ouvido falar no chá verde, não é mesmo? Pois bem, o pu-erh é na verdade uma variação Camellia sinensis,  que dá origem aos chás verde, branco, preto, oolong etc. No entanto, existem algumas diferenças que tornam o pu-erh um chá muito mais nobre. Acompanhe o artigo e saiba por quê.

 

Um pouco sobre o pu-erh

O pu-erh é um chá pós-fermentado, cujo nome vem do condado de Pu’er em Yunnan, na China, de onde é cultivado. Em seu processo de fermentação, ele é compactado e envelhecido por um longo período que pode chegar a anos.

Assim, o pu-erh (lê-se pu ér), vem Camellia Sinensis, e possui inúmeros benefícios para a saúde. Na verdade, ele é uma variedade do chá oolong, porém, sua pós-fermentação e envelhecimento são feitos na terra, dentro de recipientes adequados em um processo durante anos.

O sabor do pu-erh é mais suave que o chá verde ou mesmo o chá preto. Suas folhas oferecem um sabor levemente adocicado, emitindo o aroma das folhas de outono. Estes chás também podem parecer mais escuros que os chás pretos. O chá de pu-erh é cafeinado, e frequentemente consumido pela manhã ou início da tarde para aumentar os níveis de energia.

Assim sendo, embora os fatores ambientais e o processo de fermentação possam afetar o sabor deste chá, ele pode ter sabores frutados, terrosos, almiscarados e turfosos. A consistência rica e suave torna a bebida deste chá uma delícia e os benefícios para a saúde são um bônus adicional.

Quanto à sua fermentação, o chá é envelhecido e fermentado naturalmente, e vem sendo reverenciado em sociedades de chá tradicionais na Ásia durante séculos. Seus efeitos benéficos à saúde são possíveis graças à sua alta concentração de polifenois, catequinas e flavonoides.

O chá Pu-erh é o tipo de chá mais oxidado e, assim como o vinho fino, esta folha de chá melhora com o tempo e resulta em um sabor suave à medida que mais envelhece. Alguns dos chás pu-erh – mais raros e caros – chegam a envelhecer por mais de 50 anos .

As folhas de chá passam por um processo de fermentação de duas partes usando folhas de chá verde da região de Yunnan em um ambiente úmido. Este processo de fermentação permite que bactérias benéficas se desenvolvam, resultando em benefícios à saúde do chá. Depois que as folhas de chá são envelhecidas e fermentadas, elas são embaladas em tijolos ou vendidas como chás de folhas soltas.

 

Benefícios do chá pu-erh

A seguir, confira os principais benefícios desse nobre chá:

 

Ação energética

Por ser rico em cafeína, o pu-erh ajuda a aumentar seus níveis de energia. Pode ainda ajudar a melhorar o foco mental e dar um impulso extra que você precisa.

 

Contribui para a saúde do coração

O chá de pu-erh ajuda a diminuir o risco de doenças cardíacas. Isso é possível devido à presença de lovastatina em sua composição. Essa, por sua vez, é comumente usada para tratar o colesterol alto.

 

Rico em antioxidantes

O chá pu-erh usa suas propriedades oxidativas para fornecer níveis aumentados de oxigênio, o que aumenta a circulação e o fluxo sanguíneo. Nesse processo, ele elimina os radicais livres que causam danos em nosso corpo.

 

Previne o câncer

Há algum tempo, estudos têm comprovado que o consumo consistente de chá pu-erh pode combater o câncer e impedir o crescimento de novas células cancerígenas. Isso é possível por conta da presença de polifenois em sua composição.

 

Ajuda na perda de peso

Outro benefício do chá pu-erh é uma melhora na digestão, podendo ajudar a aliviar os sintomas da constipação, graças à existência de lovastatina nestas folhas de chá. Os antioxidantes e polifenois em chás também ajudam na digestão e degradação da gordura. A cafeína também contribui para um efeito energético de queima de gorduras.

 

Reduz o estresse

Embora o chá pu-erh contenha cafeína, ele pode ajudar a reduzir o estresse. Isso é possível pois suas propriedades inflamatórias ajudam a promover melhor estado de relaxamento.

 

Contraindicações

É importante salientar que o consumo dos chás naturais não substitui o tratamento médico. Portanto, se você está fazendo uso de algum tratamento medicamentoso ou acompanhamento médico, você não deve interrompê-lo.

Assim como todos os chás medicinais, deve-se evitar consumi-los em doses elevadas, uma vez que seu consumo em excesso pode provocar efeitos colaterais.

Consulte sempre um médico ou outro profissional de saúde qualificado antes de se automedicar, mesmo através do tratamento com ervas. Em caso de superdosagem, o médico também deverá ser procurado.

 

Onde encontrar o chá pu-erh

Embora não seja fácil de encontrar, existem algumas lojas online que importam o chá pu-erh.

Leia também: Chá de feiyan: o poderoso emagrecedor oriental milenar

 

chá pu erh

 

Este é um site de caráter informativo de pesquisas e notícias sobre métodos caseiros de tratamento. No entanto, as informações aqui contidas não substituem uma consulta médica.

Se você gostou do nosso artigo sobre o chá pu-erh, não deixe de compartilhá-lo com seus amigos nas redes sociais. Ele pode ajudar muitas outras pessoas.  Obrigado por estar conosco! Até o próximo post!

Leave a Reply