Chá de sene emagrece de verdade? Mito ou verdade?

Não é novidade que o sene ocupe a lista dos emagrecedores naturais mais consumidos, inclusive, fazendo parte da composição de diversos fitoterápicos para essa finalidade. Mas, será que o chá de sene emagrece de verdade? Quais as funções dessa erva em nosso organismo, e como ela pode – ou não – ajudar a baixar os ponteiros da balança?

Se você tem essas e outras dúvidas, acompanhe nosso artigo e saiba se o chá de sene emagrece ou se é apenas um mito popular.

 

O que é o sene

 

Seu nome científico é Cassia Angustifólia, originária da Ásia Tropical. Estamos falando do sene, uma planta conhecida desde a antiguidade, sendo muito utilizada pelos egípcios, árabes, gregos, romanos e indianos. Mas o consumo dessa erva tem se estendido até os dias de hoje, quando seu consumo é feito em vários países.

O chá feito a partir das folhas possui efeito laxativo, por isso, sua principal utilização é nos casos de prisão de ventre. Por isso, pode servir como um poderoso coadjuvante nos processos de emagrecimento.

 

Chá de sene emagrece mesmo?

 

Uma dos grandes problemas em todo processo de emagrecimento é prisão de ventre. Isso, porque com o mau funcionamento do intestino, o organismo acaba não funcionando da maneira correta, acarretando em um metabolismo travado. Com isso, o emagrecimento se torna lento e dificultoso. No entanto, o chá de sene possui componentes ativos que estimulam a função intestinal, principalmente no intestino grosso, e favorecendo o trato digestivo. Dessa forma, ele promove uma redução na absorção de fluidos, deixando as fezes mais líquidas, consequentemente, resultando em mais facilidade para evacuar.

Portanto, dizer que o chá de sene emagrece por si só é um grande equívoco. De nada adianta você consumir litros desse chá e não adequá-lo a uma dieta hipocalórica. Mas, se você estiver fazem um dieta alimentar e precisa de uma mãozinha para ajudar em seu processo de emagrecimento, pode contar com o chá de sene, pois, a partir do momento que ele melhora a função intestinal, o metabolismo trabalha muito melhor. Além disso, por causa da facilidade na evacuação, ajuda a reduzir a absorção de gordura pelo organismo.

Mas os benefícios emagrecedores  do chá de sene não param por aí. Vamos aproveitar e conhecer outros benefícios dessa planta tão utilizada desde a antiguidade.

 

Os benefícios do chá de sene

 

Como já vimos, o chá de sene emagrece naturalmente, auxiliando nos processos de emagrecimento. Desde a antiguidade ele vem sendo usado para combater problemas de constipação e facilitar o trato digestivo. Sua ação no organismo provoca mais facilidade na eliminação das fezes, trazendo alívio para quem está com o intestino preso.

Mas esse poderoso chá, além de ser um laxante e purgativo natural, também ajuda a diminuir os gases, eliminando a flatulência. Veja a lista dos problemas que podem ser tratados com a ajuda do chá de sene:

  • constipação,
  • organismo com altos níveis de toxicidade
  • infecções parasitárias
  • obesidade
  • colesterol  alto
  • doenças articulares
  • artrite
  • doenças hepáticas e renais
  • excesso de gases

 

chá de sene

Folhas de sene

 

Como fazer o chá de sene

 

Como já vimos, o chá de sene emagrece se aliado a uma dieta hipocalórica. E se você quer aprender a fazer esse maravilhoso chá, anote a receita:

  • 2 xícara de (chá) de água
  • 1 colher (sopa) rasa de folhas de sene

Coloque a água no fogo e, quando atingir fervura, apague e acrescente as folhas de sene. Tampe e deixe em infusão até amornar. Tome uma xícara após as principais refeições.

 

Advertências

 

O chá de sene emagrece de verdade, conforme já vimos. No entanto, é preciso moderação quanto ao seu consumo. Fazer uso prolongado do chá pode acarretar em problemas indesejáveis, e um deles é fazer com que o intestino pare de funcionar. É isso mesmo, ele pode fazer efeito contrário à sua ação laxativa.

Isso acontece, pois, com o alto consumo do chá de sene, o intestino acaba criando certa dependência do chá para funcionar corretamente. Dessa forma, com a interrupção do consumo, o intestino acaba não funcionando sozinho, provocando sérios problemas de constipação e desconforto intestinal.

Além disso, existem alguns efeitos colaterais que são percebidos com o uso excessivo do chá. A exemplo disso são as fortes cólicas intestinais, provocadas pela aceleração do movimento peristáltico que o chá proporciona. Seu uso excessivo também pode provocar a hipocalcemia, diarreia, má absorção intestinal, fraqueza muscular, acidose metabólica, arritmias cardíacas e até mesmo o câncer de colo retal.

Portanto, aconselha-se que o consumo do chá de sene não ultrapasse 15 dias.

 

Este é um site de caráter informativo de pesquisas e notícias sobre métodos caseiros de tratamento. No entanto, as informações aqui contidas não substituem uma consulta médica.

 E então, descobriu por que o chá de sene emagrece? Se você gostou do nosso artigo, não deixe de compartilhá-lo com seus amigos nas redes sociais. Ele pode ajudar muitas outras pessoas. Até o próximo post!

Leave a Reply