Banho humanizado para bebês

Um dos momentos mais marcantes após o nascimento do bebê, é a hora de tomar o primeiro banho. Essa é uma preocupação recorrente, haja vista que tudo é novo para o recém nascido que acaba de sair da proteção do útero da mamãe. Para evitar o estresse e aumentar o vínculo com a mamãe, está sendo feito o uso do banho humanizado para bebês, um ato de amor para o recém chegado.

 

Acompanhe nosso artigo e saiba mais sobre o banho humanizado para bebês e saiba por que ele é importante neste primeiro momento da criança.

 

O banho humanizado para bebês

 

Enquanto está dentro do ambiente uterino, o bebê sente toda a sensação de proteção que isso representa. No entanto, é no momento quando ele sai da barriga da mãe e tem contato com o mundo externo que ele sofre as dificuldades de estar em um ambiente novo, longe da proteção a que ele estava acostumado.

 

Para evitar a estresse desse momento que pode ser tão traumático para o bebê, uma técnica foi desenvolvida por enfermeiras obstetras japonesas. Essa técnica é o banho humanizado para bebês, que chegou ao Brasil por volta de 2003. O banho humanizado foi desenvolvido para para minimizar o estresse causado ao recém–nascido e aumentar o vínculo entre os pais e a criança. É uma forma de humanizar o momento de sua chegada através de um banho todo especial.

 

A técnica consiste em banhar a criança envolvida em um pano atado ao seu pescoço em água com temperatura semelhante à que ele estava acostumado. A ideia dessa técnica é reproduzir ao bebê as mesmas condições de aconchego e proteção que ele sentia no útero materno.

 

O banho humanizado proporciona um ambiente quente, confortável e seguro para o bebê, Isso faz com que ele fique muito mais calmo e tranquilo, além de acostumar-se à higienização.

 

Este banho traz tão benefícios aos recém nascido que muitos hospitais aqui no Brasil já estão adotando essa técnica.  Alguns deles acabam desenvolvendo suas próprias versões do banho, no entanto, obedecendo ao mesmo princípio. Na verdade, é uma prática tão simples que pode ser feita até mesmo em casa, no entanto, com os mesmos cuidados.

banho humanizado para bebês

Como fazer o banho humanizado para bebês

 

Como vimos, essa técnica proporciona ao bebê a mesma sensação de proteção que ele tinha quando estava na barriga da mãe. Com essa técnica, é possível não somente acalmar o bebê, como também evitar o momento traumático do primeiro banho. Além disso, o banho humanizado para bebês aproxima ainda mais a criança aos pais, em um momento de puro relaxamento e aconchego.

 

Veja o passo a passo

Primeiramente, deve se verificar a temperatura do local (quarto ou banheiro). Feche portas e janelas, evitando correntes de ar. Se houver ar condicionado, o mesmo deve ser desligado.

 

Faça a higienização da banheira e encha com água na temperatura entre 36,5º e 37º. Se você não tiver um termômetro, coloque seu punho ou as costas da mão na água para ver se a mesma está em uma temperatura agradável para o bebê.

 

Tendo garantido a temperatura do ambiente e preparado a banheira, enrole uma fralda no corpo do bebê, em um formato como se fosse um envelope. Essa fralda deve

,envolver o corpo inteiro da criança até a altura do pescoço. Deixe os braços do bebê na altura da cintura e as pernas flexionadas (simulando a posição uterina).

 

Agora, coloque o bebê na água, fazendo com que ele fique submerso com a água até o pescoço. Não deixe que nenhuma parte do corpo fique para fora da água. Comece então o processo de higienização. Lave bochechas, nariz e orelhas. Você pode fazer esse processo sem nenhum tipo de sabão, mas se quiser, pode optar por um sabão neutro.

 

Depois disso, comece a desenrolar a fralda vagarosamente para não assustar o bebê. Vá tirando com muita calma. Comece então a lavar outras partes do corpo, como o pescoço e membros superiores, tórax, costas e membros inferiores. Feito isso, feche novamente a fralda.

 

Tire o bebê da água e enrole-o em uma toalha limpa e higienizada. Seque bem cada dobrinha da criança e vista-a em seguida. É bem provável que após esse delicioso banho, o bebê caia no sono.

 

Algumas observações:

 

O banho não pode ser muito demorado, pois a água deve permanecer quentinha e aconchegante para o bebê.

 

Alguns cuidados devem ser tomados durante o banho, como manter os olhos, boca e nariz da criança fora da água.

 

O melhor momento do banho é quando o bebê não está estressado ou com fome.

 

O artigo sobre o banho humanizado foi útil para você? Se gostou, compartilhe com seus amigos nas redes sociais.

Leave a Reply